Juntando os cacos


Hoje 9 de julho de 2014, um dia aps a esmagadora vitria da seleo Alem sobre a brasileira na frente de um Mineiro lotado e de mais de 200 milhes de brasileiros estamos tendo um feriado que vai ser mais uma chance para refletirmos sobre o que aconteceu.Podemos deixar a soberba que nos derrubou tomar conta e procurar culpados, como o atacante Fred, vtima de um esquema que foi feito para que o jogador Neymar Jr. Brilhasse e da falta de jogadores articuladores no meio do campo, podemos culpa o tcnico Luiz Felipe Scolari, ou mesmo o lateral da Colmbia Zuiga que fez a falta que tirou Neymar da Copa; ou podemos aproveitar a lio de humildade que recebemos da Alemanha.Eu estava zapeando quando vi em um programa de esportes o antigo capito da seleo Alem, Lothar Matthus em uma mesa redonda incomodado por que todos os comentaristas falavam de como o Brasil perdeu, e ele falou que foi a Alemanha que ganhou, que estudou o esquema do Brasil jogar, que planejou e se preparou para o jogo, e soube aproveitar as oportunidades que apareceram, afinal as vitrias so construdas com detalhes.Enfim fomos derrotados pela nossa soberba, substantivo feminino filho do orgulho e da arrogncia, que recai sobre ns brasileiros que somos muito passionais com algumas situaes e podemos ver esta relao claramente espelhada no ambiente profissional.Quando falamos sobre futebol, enquanto nossos times esto ganhando chamamos de esquadres, os tcnicos de mestres, professores, seus erros de opes tticas que no deram certo neste jogo mas que vamos recuperar no prximo, e por assim caminha a rotina. Nas empresas, enquanto os produtos ou servios esto vendendo, a equipe est afinada, a estratgia foi vencedora, e os gerentes foram bem orientados.Mas aps uma derrota que acaba com o sonho do campeonato, o tcnico foi infeliz, os jogadores estavam apticos, e aqueles que ousavam apontar os erros antes so chamados de agourentos. Nas empresas quando os resultados param de vir, os vendedores de equipe viram um bando, os gerentes de bem orientados passam a no entender o mercado e as desculpas seguem.Agora depois destes 90 minutos de choque de realidade que a Seleo Alem, uma equipe que est se preparando a 8 anos, que estudou a forma como o Brasil joga, que traou um plano de jogo e implementou com muita determinao e fora de conjunto, nos restam duas opes ficar com pena de ns mesmos procurando culpados ou aprender que o sucesso no pode depender mais somente de uma talento individual, ele fruto de esforo, investimento, planejamento e dedicao, eu quase consigo ouvir o Alexandre Garcia fazendo este comentrio no Jornal Nacional.Pra frente Brasil! Vamos aprender a investir enquanto estamos ganhando para manter as vitrias, e sermos mais humildes e lembrarmos que sempre podemos melhorar.




Voltar para o site
Juntando os cacos' width=0 height=0> ..